Postagem única

obstreta

Um dia dedicado para quem traz a vida, o obstetra

No dia 12 de abril comemora-se o dia do obstetra, médico ou médica responsáveis por acompanhar a gravidez em todos os seus estágios e trazer ao mundo novas vidas. Não só trazer, mas também cuidar da saúde do feto antes e após seu nascimento e da saúde da mãe nas mais diversas etapas.

Quando se fala em acompanhar a gravidez em todos os seus estágios, o cuidado se amplia até mesmo à mulher que ainda não está grávida, mas tem a intenção de engravidar. O ideal é procurar o obstetra com certa antecedência, de 2 a 3 meses, segundo a indicação de especialistas. Nesse período, a saúde da mulher que pretende ficar grávida já vai sendo avaliada, eventuais medicações, que interferem na fertilidade ou na saúde do futuro bebê, podem ser trocadas, aferição da pressão e exames de sangue já podem ser feitos e os cuidados devidos para monitorar a saúde da futura mãe já são tomados.

Caso não haja tempo para planejar a gestação, logo que ficar ciente dela, a mulher deve procurar o obstetra para começar a realizar os cuidados com a gravidez: o famoso e indispensável pré-natal. Nele, são realizados exames de rotina que monitoram a saúde da mãe e do bebê, como: exames de sangue, de fezes e de urina, entre outros que detectam infecções. Também são feitos testes no rim e no fígado e outros detectores de algumas doenças como hepatite, rubéola, HIV e sífilis.

As consultas com o profissional obstetra são inicialmente marcadas uma vez ao mês. Com o avanço da gestação, aproximadamente 34 semanas, o espaço de tempo é reduzido para 15 dias, e a partir das 36 semanas, os encontros se tornam semanais. Nas consultas, a gestante é orientada sobre todos os cuidados pertinentes a esse período, que incluem suplementação com vitaminas, indicação de medicamentos, de prática de atividades físicas, de alimentação balanceada e outros selecionados pelo profissional.

Abrir mão do pré-natal é assumir um risco enorme em relação à saúde do bebê e da gestante, já que a mulher não terá a oportunidade de detectar doenças como a hipertensão e a diabetes gestacional, de saber se o crescimento do feto está adequado, entre outras informações, enfim de prevenir todas as complicações que possam surgir no desenrolar da gravidez.

O pré-natal termina com o nascimento da criança, mas o acompanhamento com o obstetra não para por aí. Após o parto, a mulher entra no puerpério, um período de 42 dias em que o médico avalia a saúde da mãe: cicatrização, funcionalidade do útero e mamas, bem-estar emocional, entre outros aspectos; além de dar orientações sobre a amamentação saudável e assegurar que tudo corra bem.

Agende suas consultas e exames na Consulta Mais e tenha um atendimento com toda a atenção que você merece. Marque com a gente pelo telefone (17) 3512 2520 ou pelo Whatsapp (17) 99741 5495.

Consultar Exame
×
Consultar Exame

×